Facebook Youtube Instagram
Fundo Padrão Fundo Preto - Alto Contraste

Arapongas: 68 anos de crescimento e desenvolvimento

ADMINISTRAÇÃO | Em 09/10/2015 às 17h27, atualizado em 09/10/2015 às 17h36 Por Assessoria de Imprensa
A “Cidade dos Pássaros” comemora neste dia 10 de outubro 68 anos de emancipação política. Resultado da iniciativa da Companhia de Terras Norte do Paraná, pioneira do povoamento da região, a cidade foi idealizada por William da Fonseca Brabason Davids, que na época da fundação de Arapongas, exercia o cargo de prefeito de Londrina.

No ano de 1935, o comerciante francês Renê Cellot e sua filha Geanine Cellot compraram os primeiros lotes de terrenos destinados à construção urbana. Assim, em 1935, Renê Cellot e sua filha se estabeleceram com uma casa comercial e no mesmo ano foi aberto e vendido o primeiro lote agrícola. Imediatamente, diversos outros lavradores, de diferentes nacionalidades, fixaram residência no lugar e se estabeleciam com casas de comércio. Nos anos seguintes foram povoadas as glebas destinadas às colônias formadas por imigrantes japoneses e eslavos, surgindo, assim, em 1937, as já povoadas colônias Esperança e Orle, que contribuíram para o progresso e expansão do novo patrimônio. Arapongas continuou a fazer parte do território do município de Londrina até o ano de 1943, quando foi criado o município de Rolândia, ao qual passou a pertencer como distrito.

Pela riqueza das terras, apropriadas para cultura do café, e pela facilidade para escoamento da produção, Arapongas oferecia as condições necessárias para emancipação, que aconteceu a 10 de outubro de 1947.

De lá para cá, Arapongas tem crescido a cada ano, e se destacado como uma das grandes cidades do sul do país. Arapongas se tornou um dos grandes pólos industriais do Brasil, além de se destacar na produção agrícola, fazendo o município alcançar o 13º maior PIB (Produto Interno Bruto) do Paraná. E o futuro deve ser ainda melhor: os diversos atrativos que a administração criou para atrair empresas e empregos para a cidade estão surtindo efeito. Na saúde, o investimento é quase 42% maior do que o exigido por Lei, e na educação além da merenda ser uma referência para toda região, escolas estão passando por reformas e os alunos receberam carteiras novas. Além disso, a administração está investindo mais de 28 milhões de reais para recuperação da malha viária e conquistou a 13ª posição entre as cidades paranaenses com o menor índice de vulnerabilidade social, o que demonstra um aparato de políticas públicas voltadas para a assistência social e melhoria de vida da população mais carente.

Todos estes investimentos e melhorias tem uma única razão: o povo araponguense. Afinal, este é o motivo que move a administração a construir uma cidade cada vez melhor. Para comemorar a data tão especial, o MAHRA, Museu de Arte e História de Arapongas, estará aberto durante o feriado o dia todo com uma exposição especial sobre a história da cidade.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS






Endereço da página com a matéria completa:
http://www.arapongas.pr.gov.br/2493_noticia_arapongase-x3a-68-anos-de-crescimento-e-desenvolvimento

Voltar ao Topo do Site