Ir para o conteúdo principal
Facebook Youtube Instagram
Acessibilidade Fundo Padrão Fundo Preto - Alto Contraste

PORTAL COVID-19 / VACINAÇÃO COVID E INFLUENZA

Em mês de criação da Lei Maria da Penha Arapongas registra queda nos casos de violência doméstica

SEGURANÇA | Em 09/08/2017 às 13h51, atualizado em 09/08/2017 às 13h51 Por Assessoria de Imprensa
Neste mês de agosto são comemorados os 11 anos de criação da Lei Maria da Penha e um ano da Patrulha Maria da Penha em Arapongas, que acabou se transformando em um importante instrumento para a sociedade local fazer frente à violência doméstica.

A Patrulha Maria da Penha foi criada em 2016 e segundo relatórios do órgão, deste período para cá foram realizados 580 atendimentos e registrados índices altamente positivos de diminuição dos casos de violência doméstica e familiar na cidade.

Conforme os números, se comparados o segundo semestre de 2016 com o primeiro semestre de 2017, houve uma redução de 70% de prisões em flagrante de violência contra a mulher.

Na questão de descumprimentos sem flagrante também foi registrada uma queda de 51% neste tipo de delito, o mesmo ocorrendo nos casos de reincidência, com uma diminuição de 80%.

Conforme o secretário de Segurança, Cesar Vinicius Kogut, esses indicativos apontam que o município vem cumprindo seu objetivo de garantir a efetividade da lei Maria da Penha, através um atendimento eficiente e observando o respeito aos princípios da Lei.

“São fatores altamente positivos para a sociedade, que favorece o reconhecimento pelo obstinado trabalho da equipe da Patrulha Maria da Penha, em assegurar o acompanhamento e o atendimento das mulheres vítimas de violência doméstica e familiar em Arapongas”, comentou o secretário.

A patrulha Maria da Penha é resultado de uma parceria entre o Tribunal de Justiça do Paraná e atua de forma integrada com a 1ª e 2ª Vara Criminal de Arapongas, Ministério Público, 22ª Subdivisão de Polícia Civil, Secretaria Municipal de Assistência Social e Secretaria Municipal de Segurança Pública e Trânsito de Arapongas.

O serviço de denúncias em caso de descumprimento da Medida Protetiva pode ser acessado através do telefone 153 e em casos de violência doméstica antes da Medida Protetiva, a denúncia deve ser feita através do 190.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS







Endereço da página com a matéria completa:
https://www.arapongas.pr.gov.br/4043_noticia_em-mes-de-criacao-da-lei-maria-da-penha-arapongas-registra-queda-nos-casos-de-violencia-domestica

Voltar ao Topo do Site